Emergência: lei garante atendimento a surdos

Norma abrange canais de atendimento do governo do Estado e passa a valer em 45 dias, beneficiando pessoas com deficiência auditiva e afonia

Por João Caetano Vargas, com edição de Angèle Murad

Mulher de costas com uniforme do Samu com fone de ouvido e à frente dela tela de computador
Marcos Garcia assina iniciativa que visa garantir autossuficiência a pessoas com deficiência / Foto: Prefeitura de Sorocaba/SP

Duas novas normas de iniciativa parlamentar foram publicadas nesta terça-feira (21), no Diário Oficial do Espírito Santo. Destaque para a Lei 11.636/2022, que assegura o direito de autossuficiência das pessoas com deficiência auditiva e afonia, na comunicação emergencial junto aos departamentos e canais de atendimento do Estado.

A lei foi proposta pelo deputado Marcos Garcia (PP), por meio do PL 3/2021, e define como autossuficiência na comunicação de emergência o “mecanismo ou sistema eletrônico plenamente capaz de permitir a comunicação do fato emergencial com a autoridade competente, de maneira independente e imediata pela pessoa com deficiência”. A norma entra em vigor 45 dias após a publicação.

Doação de sangue

Também foi publicada norma que garante aos doadores de sangue a isenção em taxa de inscrição em concursos públicos do Estado. A Lei 11.635/2022 assegura esse benefício uma vez ao ano para concursos realizados pela administração direta, indireta, fundações públicas e universidades públicas estaduais.

Para ter acesso ao benefício, a pessoa terá de comprovar que doou sangue ao menos 3 vezes nos últimos 12 meses. A norma é oriunda do PL 46/2020, de autoria do deputado Vandinho Leite (PSDB) e entrará em vigor 30 dias após a sua publicação.  

Proposta homenageia escritor capixaba
Iniciativa declara Amâncio Pinto Pereira patrono da Educação no Espírito Santo e busca dar visibilidade à produção literária do capixaba
Bancos de leite amparam mulheres na amamentação
Além de prover bebês internados com o leite doado, essas instituições também orientam mães no aleitamento  
Matéria veda homenagem a escravocratas
Prédios públicos também não poderão ter o nome de defensores da ditadura militar, nazistas, condenados por racismo, entre outros
Condutor de viatura pode ficar isento de pagar CNH
Proposta beneficia servidores das polícias Civil, Militar, Penal, Bombeiro Militar e do Iases responsáveis pela condução de veículos dos órgãos
Proposta homenageia escritor capixaba
Iniciativa declara Amâncio Pinto Pereira patrono da Educação no Espírito Santo e busca dar visibilidade à produção literária do capixaba
Bancos de leite amparam mulheres na amamentação
Além de prover bebês internados com o leite doado, essas instituições também orientam mães no aleitamento  
Matéria veda homenagem a escravocratas
Prédios públicos também não poderão ter o nome de defensores da ditadura militar, nazistas, condenados por racismo, entre outros