Reajuste para militares ainda em fevereiro

Policiais e bombeiros são contemplados em proposta que altera tabela de subsídio

Por João Caetano Vargas, com edição de Nicolle Expósito

Militares do Corpo de Bombeiros enfileirados
Escalonamento na tabela de subsídio será em fevereiro, julho e dezembro, define texto do Executivo / Foto: Governo ES

Os servidores de carreira da Polícia (PM-ES) e Bombeiro Militar do Espírito Santo (CBMES) devem ter seus subsídios reajustados já a partir desse mês. O governo do Estado encaminhou à Assembleia Legislativa (Ales) o Projeto de Lei (PL) 75/2022, propondo reajuste escalonado para os meses de fevereiro, julho e dezembro de 2022, para os cargos de coronel, tenente coronel, major, capitão, tenente (1º e 2º), aspirante, subtenente, sargento (1º, 2º e 3º), cabo, soldado, aluno soldado e aluno oficial (1º, 2º e 3º).

A estimativa do Executivo é de impacto financeiro de R$ 59,2 milhões para esse ano e de R$ 64,6 milhões para 2023 e 2024. Na mensagem encaminhada ao Legislativo, o governo afirma que a proposta atende ao limite de gastos com pessoal previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). “As despesas decorrentes desta Lei correrão por conta de dotações orçamentárias próprias que serão suplementadas, se necessário”, define o artigo 4º da proposta.

O projeto foi lido na sessão desta segunda-feira (21) e tramita em regime de urgência. Os colegiados de Justiça, Cidadania, Segurança e Finanças emitirão parecer ao texto. 

Subsídios

Com exceção dos cargos de alunos e soldados oficiais, todas as demais carreiras possuem 15 níveis de ascensão até atingirem a patente superior, e seus vencimentos vão acompanhando essa ascensão. Confira como ficam os reajustes propostos pelo Executivo para os cargos abaixo.
 

CARGO/MÊS       FEVEREIRO            JULHO          DEZEMBRO
Coronel  R$ 16,8 mil (nível 1) a R$ 22,2 mil (nível 15)

R$ 17,5 mil (nível 1) a R$ 23,1 mil (nível 15)

R$ 18,4 mil (nível 1) a R$ 24,3 mil (nível 15)
Tenente-coronel  R$ 15,3 mil (nível 1) R$ 20,2 (nível 15)

R$ 15,9 mil (nível 1) a R$ 21 mil (nível 15)

R$ 16,7 mil (nível 1) a    R$ 22,1 mil (nível 15)
Major  R$ 12,7 mil (nível 1) a R$ 16,8 (nível 15)

R$ 13,2 mil (nível 1) a R$ 17,5 mil (nível 15)

R$ 13,9 mil (nível 1) a R$ 18,4 mil (nível 15)


Confira nos anexos I, II e III do PL a progressão para os demais cargos.


 

PLs incluem estradas do sul em plano estadual
Quatro vias em Cachoeiro, uma em Alegre e outra em Vargem Alta podem passar a fazer parte da malha rodoviária estadual
Doutor Hércules alerta para risco da diabetes
Parlamentar repercutiu, na sessão, dado da Sociedade Brasileira de Angiologia sobre amputação em decorrência da doença 
PLC fixa número de policiais por habitante
Proposta começou a tramitar na sessão ordinária desta quarta, quando também foi lido projeto que reduz o ICMS da gasolina
Farmácias seguem tendo que informar sobre ofertas
Ales manteve veto do governo a projeto que desobriga segmento farmacêutico de informar ao consumidor comparativo com o preço anterior ao promocional
PLs incluem estradas do sul em plano estadual
Quatro vias em Cachoeiro, uma em Alegre e outra em Vargem Alta podem passar a fazer parte da malha rodoviária estadual
Doutor Hércules alerta para risco da diabetes
Parlamentar repercutiu, na sessão, dado da Sociedade Brasileira de Angiologia sobre amputação em decorrência da doença 
PLC fixa número de policiais por habitante
Proposta começou a tramitar na sessão ordinária desta quarta, quando também foi lido projeto que reduz o ICMS da gasolina