SOS chuvas: doações podem ser feitas até esta sexta

Horário para entrega de donativos vai de 7 às 18 horas; campanha visa ajudar vítimas das chuvas que atingiram cidades capixabas

Por Redação Web Ales | Atualizado há 8 meses

Diversas sacolas e caixas com roupas e outros donativos reunidas em espaço da Assembleia
Alimentos, água mineral, roupas e móveis estão entre itens que podem ser doados / Foto: Lucas S. Costa

A Assembleia Legislativa (Ales) segue até esta sexta-feira (21) com a campanha de arrecadação de donativos destinados à população dos municípios capixabas fortemente afetados pelas chuvas do final de 2021 e início de 2022. O horário para entrega foi ampliado e vai das 7 às 18 horas. Uma tenda foi montada na entrada do prédio da Ales para receber as doações.

A população que puder e tiver recursos pode ajudar com alimentos não perecíveis, água mineral, artigos de higiene pessoal e de limpeza, roupas e móveis. Entre os municípios mais afetados pelas chuvas estão São José do Calçado, Castelo, Bom Jesus do Norte, Afonso Cláudio, Alegre, Muqui, Mimoso do Sul e Apiacá.

Coleta

A Ales também disponibilizou um veículo para buscar doações de maior volume, como móveis e grandes quantidades de roupas e alimentos. O veículo fará a coleta dos donativos até esta quarta-feira (19). Quem quiser doar pode ligar para o telefone (27) 3382-3500.

As doações recolhidas pela Assembleia Legislativa serão encaminhadas para os municípios afetados pelas chuvas via prefeituras e Centros de Referência da Assistência Social (Cras).

Chuvas

Nesta terça-feira (18) o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta de perigo potencial, com previsão de chuvas e ventos intensos, para municípios do noroeste e litoral norte do estado. O alerta segue até 10 horas desta quarta e vale para os seguintes municípios: Barra de São Francisco, Boa Esperança, Conceição da Barra, Ecoporanga, Jaguaré, Montanha, Mucurici, Nova Venécia, Pedro Canário, Pinheiros, Ponto Belo, São Gabriel da Palha, São Mateus, Sooretama, Vila Pavão e Vila Valério.  

Últimos dias para a propaganda eleitoral do primeiro turno
No domingo, dia das eleições gerais, é proibido fazer propaganda
Proibida a prisão de eleitores
Garantia vai até 48 horas após o pleito de domingo, à exceção de flagrante delito, sentença condenatória por crime inafiançável e desrespeito a salvo-conduto
Voto facultativo pode ser decisivo nas eleições
Analfabetos, jovens de 16 e 17 anos e idosos a partir de 70 anos representam 13,5% do eleitorado capixaba 
Apuração dos votos é feita em tempo real
Resultado das eleições pode ser acompanhado por aplicativos e plataforma do TSE na internet
Últimos dias para a propaganda eleitoral do primeiro turno
No domingo, dia das eleições gerais, é proibido fazer propaganda
Proibida a prisão de eleitores
Garantia vai até 48 horas após o pleito de domingo, à exceção de flagrante delito, sentença condenatória por crime inafiançável e desrespeito a salvo-conduto
Voto facultativo pode ser decisivo nas eleições
Analfabetos, jovens de 16 e 17 anos e idosos a partir de 70 anos representam 13,5% do eleitorado capixaba