Renzo propõe comenda para engenheiros

Deputado apresentou projeto que cria honraria a ser concedida a profissionais com atuação em prol do desenvolvimento do Estado

Por Gabriela Zorzal, com edição de Nicolle Expósito

Deputado Renzo Vasconcelos fala em microfone
Renzo Vasconcelos destaca atuação do engenheiro Manoel dos Passos Barros no Espírito Santo / Foto: Lucas S. Costa

A Assembleia Legislativa pode ganhar uma nova comenda em homenagem aos engenheiros que atuam no Espírito Santo. A proposta está no Projeto de Resolução (PR) 29/2021, de autoria do deputado Renzo Vasconcelos (PP). De forma geral, esse tipo de matéria trata de questões internas da Casa Legislativa.

Se aprovada, a Comenda Engenheiro Manoel dos Passos Barros será destinada a profissionais que prestam serviços importantes na área com foco no desenvolvimento do Estado. A matéria será analisada pelos colegiados de Justiça e Finanças.

Homenageado

A justificativa do PR traz a biografia do engenheiro Manoel dos Passos Barros, que atuou em vários ramos da área: engenheiro-chefe do Primeiro Distrito de Viação e Obras Públicas da Secretaria de Viação e Obras Públicas; engenheiro do Departamento de Edificações e de Rodovias do Estado do Espírito Santo (DER-ES); presidente da 1ª comissão criada pelo governo federal para implantar no Espírito Santo o Código de Trânsito; ajudou a fundar a Escola Politécnica do Espírito Santo (atual Centro Tecnológico da Ufes); foi conselheiro do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia; entre outras atividades. Manoel dos Passos Barros nasceu em 1898, no Amazonas, cursou engenharia na Bahia, e atuou profissionalmente no Espírito Santo. Ele viveu no Estado até sua morte, em 1986.

Deputados: Renzo Vasconcelos
Matéria veda homenagem a escravocratas
Prédios públicos também não poderão ter o nome de defensores da ditadura militar, nazistas, condenados por racismo, entre outros
Condutor de viatura pode ficar isento de pagar CNH
Proposta beneficia servidores das polícias Civil, Militar, Penal, Bombeiro Militar e do Iases responsáveis pela condução de veículos dos órgãos
Reunião debate segurança em transporte escolar
Segundo advogado, motoristas de aplicativo estariam realizando transporte de estudantes de forma irregular
Deputado alerta para uso responsável de auxílio
Majeski criticou oferta de crédito consignado para o Auxílio Brasil e lembrou os altos juros cobrados nos empréstimos
Matéria veda homenagem a escravocratas
Prédios públicos também não poderão ter o nome de defensores da ditadura militar, nazistas, condenados por racismo, entre outros
Condutor de viatura pode ficar isento de pagar CNH
Proposta beneficia servidores das polícias Civil, Militar, Penal, Bombeiro Militar e do Iases responsáveis pela condução de veículos dos órgãos
Reunião debate segurança em transporte escolar
Segundo advogado, motoristas de aplicativo estariam realizando transporte de estudantes de forma irregular