Proteção às abelhas é pauta de audiência

Encontro da Comissão de Meio Ambiente nesta quinta vai discutir medidas de combate a pesticidas que ameaçam colmeias no estado

Por Wanderley Araújo, com edição de Nicolle Expósito

Abelhas em colmeia
Especialistas foram convidados para falar sobre riscos de pesticidas para a biodiversidade / Foto: Lucas S. Costa

O uso de agrotóxicos e outras substâncias químicas em áreas próximas a colmeias ameaçando as espécies de abelhas no Espírito Santo é tema de audiência pública da Comissão de Meio Ambiente marcada para esta quinta (18), às 18h30. O encontro será no formato de videoconferência.

O debate poderá agregar aperfeiçoamento sobre a temática, já que tramita na Casa o Projeto de Lei (PL) 639/2021, da deputada Iriny Lopes (PT), que veda o uso e venda de determinados agrotóxicos visando preservar as abelhas.

Um dos convidados para debater o assunto é João Luiz Teixeira Santos, presidente da Associação dos Meliponicultores (criadores de abelhas) do estado.

Ameaças

Outro a participar das discussões é o engenheiro agrônomo Edegar Antônio Formentini, com experiência em trabalho no Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper).

Ele diz que vários estudos acadêmicos, além de  matérias jornalísticas veiculadas na mídia, deixam claro que os agrotóxicos Fipronil, Tiametoxan e Imidicloprid, banidos na Europa devido à letalidade contra as colmeias, são os químicos  mais presentes nas abelhas mortas no estado. Essas três substâncias, aponta Edegar, são utilizadas em plantios de várias culturas, entre elas cana-de-açúcar, milho, abacaxi, alface, batata, berinjela e café.

Edegar Antônio Formentini faz parte do Fórum Espírito Santense de Combate aos Impactos dos Agrotóxicos e Transgênicos (Fesciat), criado no âmbito do Ministério Público Estadual (MPES).

O objetivo da instituição é eliminar a utilização de substâncias químicas que ameaçam as colmeias, num esforço conjunto que envolve várias instituições entre órgãos públicos, universidades e entidades de classe. 

Comissões: Meio Ambiente
Projeto visa recuperar direitos de servidores
Proposta assegura que o tempo de trabalho durante a crise sanitária da Covid seja contabilizado para a concessão de direitos como quinquênios e licenças-prêmio 
Homens estão entre as principais vítimas de suicídio
Morte autoprovocada é quase quatro vezes maior entre homens e a terceira principal causa de óbito na faixa de 15 a 29 anos, apontam dados oficiais
"Cola" é recurso para ajudar eleitor a votar
Anotar os números dos candidatos diminui consideravelmente chance de erros na hora da votação e contribui para agilizar processo
PEC da Polícia Científica começa a tramitar
Iniciativa desvincula os peritos da PCES, reforçando autonomia e independência da categoria. Cinco emendas já foram apresentadas à proposta
Projeto visa recuperar direitos de servidores
Proposta assegura que o tempo de trabalho durante a crise sanitária da Covid seja contabilizado para a concessão de direitos como quinquênios e licenças-prêmio 
Homens estão entre as principais vítimas de suicídio
Morte autoprovocada é quase quatro vezes maior entre homens e a terceira principal causa de óbito na faixa de 15 a 29 anos, apontam dados oficiais
"Cola" é recurso para ajudar eleitor a votar
Anotar os números dos candidatos diminui consideravelmente chance de erros na hora da votação e contribui para agilizar processo