Conta pra Gente explica sobre taxa de juros

Programa elucida questões como impacto da taxa de juros na contratação de crédito e nos investimentos

Por Larissa Lacerda, com edição de Nicolle Expósito

Duas telas no fundo verde: uma com a jornalista Larissa Lacerda e outra com o entrevistado
Gercione Dionizio Silva é o entrevistado do Conta pra Gente, apresentado por Larissa Lacerda / Foto: Reprodução TV Assembleia

Aliada para alguns e pesadelo para outros, a taxa de juros é uma das principais medidas monetárias para levar em consideração quando se pensa em investimentos ou em contratar crédito. Os juros são tema da próxima edição do programa Conta pra Gente que vai ao ar nesta sexta-feira (8), às 12h30. O doutor em economia aplicada Gercione Dionizio Silva explica como são definidas as taxas de juros no país e como identificar se os juros cobrados são abusivos. A entrevista tem reprise às 22h45, na TV Assembleia, e no canal do YouTube.

No Brasil, a Selic é a taxa básica de juros da economia. Ela influencia as tarifas cobradas pelas instituições financeiras. Quando a Selic aumenta, por exemplo, as taxas cobradas por empréstimos e financiamentos ficam maiores. O professor universitário esclarece como a taxa de juros pode impactar nossas decisões de consumo e se é possível utilizá-la a nosso favor.

Assista à edição inédita desta sexta-feira na TV Assembleia, que na Grande Vitória vai ao ar nos canais: 3.2 aberto e digital, 319.2 (GVT), 12 (NET), 23 (RCA) e 519.2 (Sky). Na grade de programação da TV Assembleia, o Conta pra Gente é exibido de segunda a domingo, às 12h30. De quinta a domingo o programa vai ao ar também às 22h45. As edições anteriores também estão disponíveis no YouTube.

Orçamento 2023 recebe 971 emendas
Comissão de Finanças terá até dia 7 de dezembro para acatar ou rejeitar as sugestões feitas à peça
Próximo governo: policiais reforçam demandas
Em reunião na Ales, eles disseram esperar que o governador reeleito atenda pleitos apresentados durante campanha eleitoral
Chuvas: Ales sinaliza apoio aos municípios
Legislativo coloca-se pronto para atender e ratificar situações oficiais de calamidade pública, permitindo agilidade no repasse de recursos estaduais 
Bahiense quer prevenção a novos atentados em escolas
Presidente da Comissão de Proteção à Criança e ao Adolescente propõe medidas de segurança, como botão de pânico, câmeras de monitoramento e vigilância armada
Orçamento 2023 recebe 971 emendas
Comissão de Finanças terá até dia 7 de dezembro para acatar ou rejeitar as sugestões feitas à peça
Próximo governo: policiais reforçam demandas
Em reunião na Ales, eles disseram esperar que o governador reeleito atenda pleitos apresentados durante campanha eleitoral
Chuvas: Ales sinaliza apoio aos municípios
Legislativo coloca-se pronto para atender e ratificar situações oficiais de calamidade pública, permitindo agilidade no repasse de recursos estaduais