PL homenageia município de Santa Teresa

Bahiense propõe incluir, no calendário oficial do Estado, a data de emancipação política do município, celebrada em 22 de fevereiro 

Por Aldo Aldesco, com edição de Angèle Murad

Casarios e rua de Santa Teresa
Emancipação política data de 1891 / Foto: Prefeitura de Santa Teresa/Arquivo

O município de Santa Teresa poderá ter a data de sua emancipação política e administrativa  – 22 de fevereiro de 1891 – inserida no calendário oficial do Espírito Santo. O Projeto de Lei (PL) 450/2021, apresentado pelo deputado Delegado Danilo Bahiense (sem partido), institui o Dia da Emancipação Política de Santa Teresa. Nesse dia, de acordo com a proposta, a sede do Executivo estadual será simbolicamente transferida para a cidade, quando o governador promoverá ações registrando a sua presença. 

Atualmente com pouco mais de 23 mil habitantes, Santa Teresa é tida como a primeira no Brasil a formar uma colônia de italianos, em 1875. Depois, chegaram os alemães, suíços e polonês, conforme relata o deputado Bahiense na justificativa do projeto. 

Em 2012, por meio da Lei Estadual 226, Santa Teresa passou a ser a Capital Estadual do Jazz e do Blues. Um dos seus “filhos” ilustres é o naturalista Augusto Ruschi, patrono da Ecologia no Brasil. 

O PL 450/2021 foi lido na sessão ordinária do último dia 24 de agosto. A Comissão de Justiça deve analisar a matéria de forma conclusiva, em consonância com o artigo 276 do Regimento Interno. 

Aprovado fim de taxa de cartório para conselho escolar
Se virar lei, iniciativa aprovada pela Assembleia deve apoiar órgãos que representam comunidade escolar
PL que doa imóvel a VV tramita em urgência
No local já existem duas escolas, uma quadra e um Centro de Referência de Assistência Social
Finanças aprova calamidade para seis municípios
Requerimentos aprovados atendem as prefeituras de Marataízes, Vila Velha, São Mateus, Mucurici, Santa Leopoldina e Cariacica
Novo Carmélia promete reforçar área cultural
Revitalização do teatro é um dos destaques do projeto de reforma, apresentado à Comissão de Cultura da Assembleia
Aprovado fim de taxa de cartório para conselho escolar
Se virar lei, iniciativa aprovada pela Assembleia deve apoiar órgãos que representam comunidade escolar
PL que doa imóvel a VV tramita em urgência
No local já existem duas escolas, uma quadra e um Centro de Referência de Assistência Social
Finanças aprova calamidade para seis municípios
Requerimentos aprovados atendem as prefeituras de Marataízes, Vila Velha, São Mateus, Mucurici, Santa Leopoldina e Cariacica