Doutor Hércules quer barragens contra seca

Deputado cobrou ainda do governo recuperação de matas ciliares para proteção das nascentes dos cursos de água

Por Wanderley Araújo, com edição de Nicolle Expósito

Deputado Doutor Hércules fala na tribuna do plenário
Doutor Hércules manifestou preocupação com cenário hídrico no país / Foto: Ellen Campanharo

Na sessão ordinária desta terça-feira (28), o presidente da Comissão de Saúde e Saneamento, deputado Doutor Hércules (MDB), fez uma avaliação da crise hídrica no país – que corre risco de apagões de energia elétrica e falta de água nos próximos meses.

O deputado fez um apelo ao governo do Estado para a construção de barragens e deflagração de um programa de recuperação das matas ciliares, pois esse tipo de vegetação é indispensável para evitar erosões e seca nas nascentes.

Ele cobrou ainda a construção da Barragem dos Imigrantes. O reservatório, de acordo com Doutor Hércules, será capaz de solucionar de vez a demanda de água em toda a Grande Vitória, representando um “alívio”, principalmente em períodos de seca.

Confira as fotos da sessão

Investimentos

A Cesan (Companhia Espírito-santense de Saneamento) já recebeu do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) a licença de instalação autorizando o início das obras da Imigrantes.

Conforme informações da Cesan, a barragem tem capacidade para armazenar 23 bilhões de litros de água, e o projeto é considerado o mais arrojado para garantir a segurança hídrica do Espírito Santo.

O empreendimento será instalado na região conhecida como Vista Linda, entre os municípios de Domingos Martins e Viana. Ainda de acordo com a companhia, a barragem será de 50 metros, capaz de abastecer mais de 1,2 milhão de moradores dos municípios de Cariacica, Vila Velha e Vitória.

O projeto tem uma concepção sustentável visando a reduzir os impactos sociais e ambientais. O prazo total de execução da obra é de cinco anos e seis meses.

Reação econômica

O desempenho positivo da economia capixaba, a despeito da pandemia, foi destacado por alguns deputados em pronunciamentos na sessão plenária.  Segundo Luiz Durão (PDT) dados recentes do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas) indicam que o Espírito Santo é o segundo estado com a menor taxa de desemprego no país.

Ele acrescentou que o comércio do Espírito Santo, um dos setores mais afetados pela pandemia, deve abrir cerca de 3 mil novas vagas temporárias de trabalho até o Natal.

Luiz Durão afirmou ainda que segundo a Federação do Comércio (Fecomércio) pelo menos 20% das pessoas contratadas de forma temporária no estado deverão ser efetivadas nos postos de trabalho.

“A ampliação da vacinação e a redução nas mortes e internações são fundamentais para movimentar o comércio de bens, serviços e turismo no Espírito Santo”, acrescentou.

Nota A

Já o deputado Freitas (PSB) citou que, por manter desde 2012 a nota A na gestão fiscal, o Espírito Santo continua recebendo investimentos e atraindo negócios que estão migrando de outras regiões do país. 
 
“Lembro-me dos tenebrosos anos 90 e início do ano 2000 quando este estado estava quebrado e não tinha recursos para pagar os servidores públicos; a Cesan e o estado de forma geral não tinham capacidade de investir”, disse o parlamentar.

Freitas considerou que por ter se tornado referência na gestão da pandemia, o Espírito Santo está saindo na frente, e há expectativa de que haja vários investimentos no estado na medida em que a pandemia for controlada.

Janete de Sá (PMN) considerou que a reação positiva que “já se esboça” na economia estadual é mais significante ainda quando se avalia as várias dificuldades enfrentadas pelo atual governo.

Ela citou que o Espírito Santo sofreu uma das piores secas das últimas décadas, havendo um consequente endividamento do campo; e depois que várias renegociações haviam sido feitas veio “outra pancada” na economia: as chuvas torrenciais que causaram inundações e muitos estragos em Iconha, Alfredo Chaves e outros municípios.

“Apesar de tudo isso, há uma gestão fiscal séria; nosso estado é um dos que mais crescem, houve uma expansão de 6,8% na arrecadação estadual, num trabalho que contou com o profissionalismo e competência dos auditores fiscais”, finalizou.

Saúde mental

A necessidade de ações governamentais para a promoção da vida num esforço para desestimular a prática de suicídios foi enfatizada em discurso do vice-presidente da Comissão de Saúde, deputado Dr. Emílio Mameri (PSDB).

Na condição de presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental, Mameri fez um apelo ao governo no Estado para que deflagre no serviço público estadual e nas escolas capixabas ações no sentido de criar programas específicos de combate ao suicídio e às lesões auto provocadas.

De acordo com o deputado, dados da OMS (Organização Mundial de Saúde) mostram que a cada 40 segundos acontece um suicídio no mundo; mais de 800 mil pessoas se suicidam no Brasil a cada ano.

Homenagem

Houve ainda no Plenário Dirceu Cardoso homenagem proposta pelo deputado Torino Marques (PSL) pelos 83 anos de fundação do jornal A Tribuna
O veículo de imprensa foi representado pelo jornalista Kleber Amorim, que assina no diário a Coluna Plenário.

A ele foi entregue certificado e a Comenda João Santos em reconhecimento à importância dA Tribuna no registro dos fatos que fazem parte da história do Espírito Santo há mais de oito décadas.

João Santos foi o fundador no Espírito Santo do veículo, que faz parte de grupo empresarial de comunicação que tem o mesmo nome, e que já funcionava no estado de Pernambuco.

Participaram da homenagem, além de Torino Marques, os deputados Capitão Assumção (Patri), Janete de Sá, Marcos Garcia (PV), Sergio Majeski (PSB), Doutor Hércules e Luciano Machado (PV). 

Aprovado fim de taxa de cartório para conselho escolar
Se virar lei, iniciativa aprovada pela Assembleia deve apoiar órgãos que representam comunidade escolar
PL que doa imóvel a VV tramita em urgência
No local já existem duas escolas, uma quadra e um Centro de Referência de Assistência Social
Finanças aprova calamidade para seis municípios
Requerimentos aprovados atendem as prefeituras de Marataízes, Vila Velha, São Mateus, Mucurici, Santa Leopoldina e Cariacica
Novo Carmélia promete reforçar área cultural
Revitalização do teatro é um dos destaques do projeto de reforma, apresentado à Comissão de Cultura da Assembleia
Aprovado fim de taxa de cartório para conselho escolar
Se virar lei, iniciativa aprovada pela Assembleia deve apoiar órgãos que representam comunidade escolar
PL que doa imóvel a VV tramita em urgência
No local já existem duas escolas, uma quadra e um Centro de Referência de Assistência Social
Finanças aprova calamidade para seis municípios
Requerimentos aprovados atendem as prefeituras de Marataízes, Vila Velha, São Mateus, Mucurici, Santa Leopoldina e Cariacica