Doutor Hércules quer mês dedicado à transparência

Deputado propõe a instituição do “Dezembro Transparente”, com ações voltadas à prevenção e combate da corrupção e publicidade dos gastos públicos

Por João Caetano Vargas, com edição de Angèle Murad

Doutor Hércules de máscara e em pé fala ao microfone no Plenário
Proposta de Doutor Hércules terá parecer da Comissão de Justiça / Foto: Ana Salles

Estabelecer um mês dedicado ao combate à corrupção e à transparência no poder público. É o que pretende o deputado Doutor Hércules (MDB), por meio do Projeto de Lei (PL) 466/2021 que tramita na Assembleia Legislativa (Ales). A ideia é criar o “Dezembro Transparente”, promovendo ações voltadas para a prevenção e combate à corrupção, reforçando o conceito de transparência e publicidade dos gastos públicos em todas as esferas.

A proposta altera a Lei 11.212/2020, que consolida a legislação em vigor referente às semanas e dias estaduais comemorativos de relevantes datas e de assuntos de interesse público no Espírito Santo, acrescentando mais esse item no anexo da norma. 

O autor reforça que a publicidade sobre os gastos públicos está prevista na Lei Federal 12.527/2011 (Lei de Acesso à Informação) e que o melhor caminho para reforçar essa cultura é a educação:

“Acredito na educação e na transparência como matriz de mudança do nosso país; em especial, acredito que é nosso dever cidadão buscar a conscientização da população em geral e dos agentes públicos, em especial sobre o dever de transparência da administração pública e dos mecanismos de acesso à informação”, explica o parlamentar na justificativa da proposta.

Entre os objetivos do PL, o autor destaca “a divulgação de meios e de canais onde denúncias de supostas práticas de corrupção possam ser realizadas” e “o incentivo à promoção de atividades voltadas para o debate, a reflexão e a educação dos mencionados assuntos por escolas, instituições públicas, privadas e do terceiro setor, dentre outras”.

O PL 466/2021 vai tramitar na Comissão de Justiça, conforme estabelece o artigo 276 do Regimento Interno. 
 

Deputados: Doutor Hércules
Aprovado fim de taxa de cartório para conselho escolar
Se virar lei, iniciativa aprovada pela Assembleia deve apoiar órgãos que representam comunidade escolar
PL que doa imóvel a VV tramita em urgência
No local já existem duas escolas, uma quadra e um Centro de Referência de Assistência Social
Finanças aprova calamidade para seis municípios
Requerimentos aprovados atendem as prefeituras de Marataízes, Vila Velha, São Mateus, Mucurici, Santa Leopoldina e Cariacica
Novo Carmélia promete reforçar área cultural
Revitalização do teatro é um dos destaques do projeto de reforma, apresentado à Comissão de Cultura da Assembleia
Aprovado fim de taxa de cartório para conselho escolar
Se virar lei, iniciativa aprovada pela Assembleia deve apoiar órgãos que representam comunidade escolar
PL que doa imóvel a VV tramita em urgência
No local já existem duas escolas, uma quadra e um Centro de Referência de Assistência Social
Finanças aprova calamidade para seis municípios
Requerimentos aprovados atendem as prefeituras de Marataízes, Vila Velha, São Mateus, Mucurici, Santa Leopoldina e Cariacica