Projeto alerta para câncer de cabeça e pescoço

Matéria institui Julho Verde como mês de conscientização sobre esse tipo de câncer, que é um dos mais frequente no país

Por Gabriela Zorzal, com edição de Angèle Murad

Mão mostrando um laço verde com o fundo azul
Ideia é promover ações educativas sobre diagnóstico, sintomas, danos, prevenção e fatores de risco / Foto: Freepik

Embora pouco falado, o câncer de cabeça e pescoço é o segundo mais frequente no país, ficando atrás somente do câncer de mama para as mulheres e do câncer de próstata para os homens, e sendo tão frequente quanto o câncer de cólon e reto. 

Com o objetivo de conscientizar os capixabas sobre a doença, o deputado Doutor Hércules (MDB) elaborou o Projeto de Lei 342/2021, que institui o “Julho Verde”. A escolha do mês tem como referência o Dia Mundial de Conscientização e Combate ao Câncer de Cabeça e Pescoço, celebrado em 27 desse mês. 

O PL 342/2021 inclui o Julho Verde na Lei 11.212/2020, que consolida o calendário oficial do Espírito Santo. Por se tratar de data comemorativa, o projeto será analisado apenas pela Comissão de Justiça. A proposta prevê ações educativas sobre diagnóstico, sintomas, danos, formas de prevenção, fatores de riscos e tratamentos para os diversos tipos de câncer de cabeça e pescoço. 

A medicina considera câncer de cabeça e pescoço o diagnóstico da doença na boca, lábios, cavidade oral, laringe, faringe, garganta e tireoide. Na maior parte dos casos, o tratamento é complexo e de alto custo, envolvendo diferentes profissionais da área da saúde, como médicos, cirurgiões, dentistas, fonoaudiólogos, entre outros. Cigarro e bebida alcoólica são fatores de risco para o desenvolvimento de doenças desse tipo. 
 

Deputados: Doutor Hércules
Aprovado fim de taxa de cartório para conselho escolar
Se virar lei, iniciativa aprovada pela Assembleia deve apoiar órgãos que representam comunidade escolar
PL que doa imóvel a VV tramita em urgência
No local já existem duas escolas, uma quadra e um Centro de Referência de Assistência Social
Finanças aprova calamidade para seis municípios
Requerimentos aprovados atendem as prefeituras de Marataízes, Vila Velha, São Mateus, Mucurici, Santa Leopoldina e Cariacica
Novo Carmélia promete reforçar área cultural
Revitalização do teatro é um dos destaques do projeto de reforma, apresentado à Comissão de Cultura da Assembleia
Aprovado fim de taxa de cartório para conselho escolar
Se virar lei, iniciativa aprovada pela Assembleia deve apoiar órgãos que representam comunidade escolar
PL que doa imóvel a VV tramita em urgência
No local já existem duas escolas, uma quadra e um Centro de Referência de Assistência Social
Finanças aprova calamidade para seis municípios
Requerimentos aprovados atendem as prefeituras de Marataízes, Vila Velha, São Mateus, Mucurici, Santa Leopoldina e Cariacica