Comissão quer ouvir acusada de estelionato

Segundo denunciantes, fotógrafa cobrava pagamento antecipado, mas não entregava as imagens

Por Redação Web Ales, com edição de Angèle Murad

Máquina fotográfica em cima de perna
Cerca de 30 pessoas teriam sofrido o golpe / Foto: Freepik

A Comissão de Defesa do Consumidor decidiu convocar uma fotógrafa acusada de receber pagamentos antecipados e não entregar o produto – a maioria das ocorrências foi registrada na Serra. As denúncias foram feitas por participantes do colegiado nesta segunda-feira (3). Foi decidido que todo o material reunido será remetido à Delegacia do Consumidor. 

Segundo a denunciante Flávia Santos, que contratou a fotógrafa há dois anos para registrar seu casamento, a acusada contratava freelancers para realizar os trabalhos acordados, mas não repassava a eles o pagamento. As fotos só eram viabilizadas mediante novo pagamento feito diretamente aos subcontratados. Ela também não comparecia aos eventos, segundo foi relatado.

As reclamações apresentadas pela denunciante foram apoiadas por outras pessoas que passaram por situação semelhante. Conforme foi falado, cerca de 30 vítimas teriam caído no mesmo golpe, classificado pelo presidente da comissão, Vandinho Leite (PSDB), como estelionato. A fotógrafa fechava negócio geralmente para trabalhar em casamentos, baile de debutantes e álbuns de nascimento. 

As denunciantes cobraram que o colegiado investigue a fundo os relatos e coloque um fim nessa situação.

EDP

O colegiado informou que a concessionária de energia elétrica EDP havia, mais cedo, se comprometido com moradores do bairro Dom João Batista, em Vila Velha, para resolver problemas de falta de luz na região.
 

Plenário avaliza extinção de cargo do Incaper
Segundo proposta, o cargo de Auxiliar em Desenvolvimento Rural seria extinto para facilitar a contratação de empresa para prestação do serviço
Deputado alerta para doenças intestinais
Doutor Hércules também quer que o governo do Estado instale centros de infusão de medicamentos em todas as regiões do Espírito Santo
Assembleia aprova fundo para produtores rurais
Objetivo do governo é facilitar crédito para que os produtores possam retomar suas lavouras
Justiça acolhe PL que proíbe copos plásticos
Proposta veta o fornecimento de copos plásticos descartáveis em restaurantes, bares e similares
Plenário avaliza extinção de cargo do Incaper
Segundo proposta, o cargo de Auxiliar em Desenvolvimento Rural seria extinto para facilitar a contratação de empresa para prestação do serviço
Deputado alerta para doenças intestinais
Doutor Hércules também quer que o governo do Estado instale centros de infusão de medicamentos em todas as regiões do Espírito Santo
Assembleia aprova fundo para produtores rurais
Objetivo do governo é facilitar crédito para que os produtores possam retomar suas lavouras