Serviços de óbito poderão ajudar a captar córneas

Projeto aprovado nesta segunda pretende aumentar o número de doações e zerar a fila de transplante de córneas

Por Gleyson Tete

Deputados aparecem em tela durante sessão virtual
Deputados aprovaram seis matérias na primeira sessão da semana / Foto: Ellen Campanharo

Foi aprovado o Projeto de Lei (PL) 60/2021, que tem como objetivo autorizar o Departamento Médico Legal (DML), as unidades do Serviço Médico Legal (SML) e o Serviço de Verificação de Óbito (SVO) a promover a captação de córneas aptas para doação. A matéria, do Delegado Danilo Bahiense (sem partido), foi acolhida junto com outras cinco – duas delas que versam sobre violência contra a mulher – na sessão ordinária virtual da Assembleia Legislativa (Ales) desta segunda-feira (22).

Tramitando em regime de urgência, a iniciativa recebeu parecer oral favorável nas comissões de Justiça, Saúde e Finanças e, posteriormente, foi ratificada pelo Plenário da Casa. Na discussão em Saúde, o deputado Doutor Hércules (MDB) destacou a importância do SVO e lamentou a sobrecarga de trabalho pela qual os servidores estão passando. “Têm que colocar mais gente nele”, afirmou.

Bahiense usou a palavra na justificativa de voto e destacou que cerca de 7 mil corpos passavam pelos três serviços em média por ano e que a finalidade da proposta era zerar a fila de doação de córneas. “Quando apresentamos tínhamos quase 400 na fila. Alguém precisa fazer contato com a família para a doação das córneas”, reforçou.

Direitos do consumidor

Duas proposições aprovadas, ambas de Luiz Durão (PDT), têm como objetivo a defesa dos consumidores capixabas. O PL 54/2021 determina que toda dívida proveniente de relação de consumo seja apresentada com os valores cobrados de modo detalhado em relação ao valor original, juros, multas e outros; já o PL 61/2021 estabelece o direito de restituição aos clientes dos débitos pagos em duplicidade no prazo de cinco dias úteis.

Como estavam em regime de urgência, os dois projetos foram analisados e receberam parecer oral das comissões de Justiça, Defesa do Consumidor e Finanças, e ao final foram aprovados em votação simbólica pelo conjunto dos parlamentares.

Frade e Freira

Última matéria acatada na sessão, o Projeto de Lei (PL) 46/2021, do Dr. Emílio Mameri (PSDB), prevê a criação da “Rota do Frade e a Freira”. O intuito é dinamizar o potencial turístico dos municípios no entorno do monumento.

Inicialmente a proposição foi acolhida em reunião conjunta das comissões de Justiça e Finanças e depois pelo colegiado de Turismo e Desporto. Por fim, houve a confirmação do Plenário em votação simbólica.

Para Mameri, a proposta traz perspectivas de avanços na área de desenvolvimento e turismo para as cidades do sul capixaba. A ideia é criar oportunidades nos moldes da Rota do Lagarto. “Estamos abrindo as portas junto à Secretaria de Estado de Turismo e outras secretarias para essa região se desenvolver. As pessoas param na rodovia 101 para tirar foto (do monumento) e não têm oportunidade de subir porque tem uma estrada de 4,5km que quando chove não sobe nada”, lamentou.

De acordo com Theodorico Ferraço (DEM), a aprovação do projeto representa uma vitória para a região, que carece de mais atenção dos governantes. “Tem que melhorar as estradas e fazer um parque. É uma oportunidade de unirmos esforços. Vamos valorizar um dos maiores monumentos do Brasil”, ressaltou.

Todas as proposições aprovadas seguem para sanção ou veto do chefe do Executivo estadual, o governador Renato Casagrande (PSB).

Expediente

Três novas iniciativas foram lidas no Expediente para simples despacho e começaram a tramitar na Casa. Entre elas, o Projeto de Lei (PL) 90/2021, do Delegado Danilo Bahiense, que institui o programa “Profissionais da Beleza contra a Violência Doméstica”, de capacitação de profissionais da área de beleza e estética para que se qualifiquem como agentes multiplicadores de informação contra a violência doméstica e familiar. A matéria foi encaminhada para as comissões de Justiça, Cidadania, Segurança e Finanças.

Confira como ficou a Ordem do Dia
 

  • Projeto de Lei (PL) 60/2021, do Delegado Danilo Bahiense (sem partido), que autoriza o Departamento Médico Legal (DML), os Serviços Médicos Legais (SMLs) e o Serviço de Verificação de Óbito (SVO) a promoverem a captação de córneas no Estado. Aprovado;
  • Projeto de Lei (PL) 38/2021, de Luiz Durão (PDT), que institui o Passaporte Equestre no Estado do Espírito Santo. Arquivado;
  • Projeto de Lei (PL) 61/2021, de Luiz Durão (PDT), que estabelece o direito de restituição do consumidor, no caso de pagamento em duplicidade, na forma que especifica. Aprovado;
  • Projeto de Lei (PL) 339/2019, de Janete de Sá (PMN), que dispõe sobre a prioridade da oferta de cirurgia plástica reparadora, no âmbito dos serviços públicos de saúde do Estado, às mulheres vítimas de agressão física devido ao gênero. Aprovado;
  • Projeto de Lei (PL) 550/2019, de Janete de Sá (PMN), que dispõe sobre a implantação de medidas informativas e protetivas à gestante e à parturiente contra quaisquer tipos de atos caracterizados como violência obstétrica praticadas no Estado. Aprovado;
  • Projeto de Lei (PL) 54/2021, de Luiz Durão (PDT), que estabelece critérios no Estado para a cobrança de dívidas dos consumidores, na forma que especifica. Aprovado;
  • Projeto de Lei (PL) 46/2021, do Dr. Emílio Mameri (PSDB), que cria no Estado do Espírito Santo a Rota do Frade e a Freira. Aprovado.
First slide
First slide
First slide
First slide
First slide
Saúde mental: um suicídio a cada 40 segundos
Dado da OMS foi apresentado em reunião da Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental
Projeto cria cadastro estadual de homicidas
Conforme proposta, cadastro deve conter informações de pessoas condenadas em última instância por crimes contra agentes de segurança
Conta pra Gente sobre inflação estreia sexta
No programa, você vai saber o que leva ao aumento ou à redução do índice e os impactos da inflação no cotidiano
Criança e adolescente: 71 homicídios em 2021
Dados estaduais referentes aos meses de janeiro a agosto foram apresentados pelo deputado Delegado Danilo Bahiense
Saúde mental: um suicídio a cada 40 segundos
Dado da OMS foi apresentado em reunião da Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Mental
Projeto cria cadastro estadual de homicidas
Conforme proposta, cadastro deve conter informações de pessoas condenadas em última instância por crimes contra agentes de segurança
Conta pra Gente sobre inflação estreia sexta
No programa, você vai saber o que leva ao aumento ou à redução do índice e os impactos da inflação no cotidiano