Comissão fiscalizará Rodosol por mais 180 dias

Colegiado aprovou prorrogação de prazo e transposição dos trabalhos para o próximo ano 

Por Aldo Aldesco

Reunião virtual com participação dos deputados Carlos Von e Danilo Bahiense
O presidente da comissão é Carlos Von e o relator é Danilo Bahiense / Foto: Ellen Campanharo

A Comissão Especial de Fiscalização da Rodosol, em reunião extraordinária virtual realizada nesta quinta-feira (10), decidiu prorrogar por mais 180 dias o seu prazo de funcionamento e transpor seus trabalhos para a próxima sessão legislativa, que se inicia em 1º de fevereiro de 2021.

O colegiado é presidido pelo deputado Carlos Von (Avante) e o seu relator é o deputado Delegado Danilo Bahiense (sem partido). Criada pela Resolução 6.781, em fevereiro de 2020, a comissão foi instituída para acompanhar e fiscalizar os serviços prestados pela concessionária Rodosol na Rodovia do Sol, bem como a evolução dos preços das tarifas cobradas nos pedágios. 

À época, o deputado Carlos Von, em entrevista concedida ao telejornal Ordem do Dia da TV Assembleia, manifestou-se sobre os preços dos serviços cobrados pela concessionária.

“De oito anos para cá, o valor da cobrança na Terceira Ponte diminuiu, enquanto o preço para circular pelo quilômetro 30 da rodovia (pedágio de Guarapari) subiu consideravelmente. Vamos buscar um entendimento conjunto sobre como foi construído esse documento que estipulou as regras para a exploração do trecho e buscar valores justos para todos”, anunciou.

A concessão da rodovia estadual à Rodosol teve início em dezembro de 1998. O trecho concedido tem origem na praça do pedágio da Terceira Ponte, em Vitória, e termina em Meaípe, Guarapari.  Com uma extensão de 67,5 quilômetros, o trecho foi concedido por um período de 25 anos. 
 

PL que suspende despejos tramita em urgência
Iniciativa paralisa reintegrações de posse na pandemia por até 90 dias após suspensão do período de calamidade pública no Estado
Isenção de taxas de cartório é alvo de projeto
Entidades beneficentes das áreas de assistência social e meio ambiente poderão ser beneficiadas com ampliação de serviços passíveis de gratuidade em cartórios
Covid: PL determina uso de sobras de vacina
Iniciativa de Capitão Assumção prevê que doses não aplicadas sejam destinadas a pessoas maiores de 18 anos sem comorbidades
Agenda: reunião sobre passe livre para pessoas com HIV
Integração dos ônibus de Vitória ao sistema Transcol ameaça direito para quem está nesse grupo e ganha até 3 salários
PL que suspende despejos tramita em urgência
Iniciativa paralisa reintegrações de posse na pandemia por até 90 dias após suspensão do período de calamidade pública no Estado
Isenção de taxas de cartório é alvo de projeto
Entidades beneficentes das áreas de assistência social e meio ambiente poderão ser beneficiadas com ampliação de serviços passíveis de gratuidade em cartórios
Covid: PL determina uso de sobras de vacina
Iniciativa de Capitão Assumção prevê que doses não aplicadas sejam destinadas a pessoas maiores de 18 anos sem comorbidades