Câncer de mama: médico alerta sobre exames de rotina

Segundo o oncologista Luiz Augusto Fagundes Filho, houve queda na procura de exames na pandemia e isso prejudica o diagnóstico precoce da doença

Por Larissa Lacerda | Atualizado há 1 ano

Luiz Augusto Fagundes Filho em tela de computador
Fagundes participou de reunião virtual da Comissão de Saúde / Foto: Lucas Silva

O mês de outubro é dedicado mundialmente à conscientização e prevenção do câncer de mama por meio da campanha Outubro Rosa. Os cuidados para prevenção da doença e o diagnóstico precoce foram tratados na reunião virtual da Comissão de Saúde desta terça-feira (13). Os deputados ouviram a representante da Associação Feminina de Educação e Combate ao Câncer (Afecc) Léa Regina Penedo Gonçalves e o oncologista Luiz Augusto de Castro Fagundes Filho. Eles alertaram para a importância da realização de exames de rotina, como a mamografia, que é um dos mais eficazes no diagnóstico precoce da doença. 

O oncologista comentou que, devido à pandemia do novo coronavírus, a procura por exames como mamografia diminuiu, o que pode resultar na descoberta de casos de câncer de mama já em estado avançado, dificultando o tratamento. “Esse vai ser um desafio novo para a gente enfrentar, especialmente no diagnóstico no estágio avançado. O câncer não deixou de existir por causa da pandemia, só está fazendo com o que o diagnóstico seja empurrado para frente”, alertou. 

De acordo com a Afecc, em 2018 foram diagnosticados no Hospital Santa Rita 632 novos casos de câncer de mana; em 2019 foram 727. E de março a setembro de 2020, apenas 178, o que segundo Léa Regina, mostra que as pessoas não estão procurando o serviço de saúde para realização de exames periódicos. “Com a pandemia, a vida mudou, mas a forma de cuidar dela, não. Diagnosticado precocemente, o índice de cura é maior. O medo da Covid-19 não pode superar a iniciativa de cada um em cuidar de sua própria saúde e de seus familiares”, afirmou a representante da Afecc. 

O vice-presidente da Comissão de Saúde, deputado Dr. Emílio Mameri (PSDB), também enfatizou a importância dos exames periódicos. “Temos os protocolos, se nós conseguirmos avançar nesses protocolos atingindo maior número de pessoas, naturalmente com melhoria constante da atenção básica de saúde, vamos garantir o diagnóstico precoce. Sabemos que toda neoplasia é curável desde que seja diagnosticada precocemente. Evidentemente, casos graves vão aparecer, mas temos de trabalhar para que eles diminuam e que nós possamos cada vez mais ter sucesso no tratamento, que é possível sim com o diagnóstico precoce.”

Além da importância do diagnóstico precoce, os convidados e deputados ainda salientaram a necessidade de manter hábitos de vida saudáveis, como alimentação balanceada e a prática de exercícios físicos como forma de prevenção ao câncer de mama. “A campanha Outubro Rosa reforça a importância da prevenção que deve ser mantida durante todo o ano. Não fumar, ter uma alimentação e hábitos saudáveis são práticas que salvam vidas e devem ser constantes”, reforçou o  presidente da comissão, deputado Doutor Hércules (MDB).

Afecc

A Afecc é a mantenedora do Hospital Santa Rita Hoje, maior complexo oncológico do Espírito Santo, e desenvolve mais de 20 projetos sociais de assistência à recuperação dos pacientes. A Afecc é administrada por uma diretoria voluntária e conta com uma equipe de mais de 300 voluntários.

Na reunião, Léa Gonçalves também falou sobre o trabalho de acolhimento e cuidado desenvolvido pela Afecc.  “Nós temos um olhar de acolhimento global do paciente. Nós damos enfoque a cada paciente que chega ao hospital para que nós possamos cumprir cada vez melhor nossa função de prevenir, diagnosticar, tratar o câncer em todas as modalidades e, além de disso tudo, reintegrar nosso paciente na sociedade”, disse. 
 

First slide
First slide
First slide
First slide
First slide
Comissões: Saúde
Saúde nasal: tratamentos e riscos em pauta
Comissão recebe especialista para discutir causas de congestionamento nasal e as consequências do uso inadequado de remédios
Apuração dos votos é feita em tempo real
Resultado das eleições pode ser acompanhado por aplicativos e plataforma do TSE na internet
Projeto visa recuperar direitos de servidores
Proposta assegura que o tempo de trabalho durante a crise sanitária da Covid seja contabilizado para a concessão de direitos como quinquênios e licenças-prêmio 
Homens estão entre as principais vítimas de suicídio
Morte autoprovocada é quase quatro vezes maior entre homens e a terceira principal causa de óbito na faixa de 15 a 29 anos, apontam dados oficiais
Saúde nasal: tratamentos e riscos em pauta
Comissão recebe especialista para discutir causas de congestionamento nasal e as consequências do uso inadequado de remédios
Apuração dos votos é feita em tempo real
Resultado das eleições pode ser acompanhado por aplicativos e plataforma do TSE na internet
Projeto visa recuperar direitos de servidores
Proposta assegura que o tempo de trabalho durante a crise sanitária da Covid seja contabilizado para a concessão de direitos como quinquênios e licenças-prêmio