Empresários são ouvidos por deputados

CPI da Sonegação recebeu casal proprietário da Transportadora Vitória, que falou sobre denúncias encaminhadas à Ales pelo Ministério Público

Por Redação Web Ales

Deputados em Plenário
CPI deu prazo para empresário informar com quais estabelecimentos trabalhou sem nota fiscal / Foto: Ellen Campanharo

Proprietários da empresa Transportadora Vitória desde 2007, o casal André Luiz de Jesus Polastreli e Thaisnara Ribeiro Favarato Polastreli foi ouvido pela CPI da Sonegação. Na reunião desta quarta-feira (24), no Plenário Dirceu Cardoso, os dois deram esclarecimentos sobre denúncias de sonegação fiscal e adulteração de combustível nas áreas de transporte e distribuição do produto.

As denúncias foram encaminhadas à Assembleia Legislativa (Ales) pelo Ministério Público do Estado (MPES). No depoimento, André confirmou que ele e esposa estiveram presos (ele por 72 dias e ela por quatro) durante a Operação Lidima, iniciada em 3 de dezembro de 2018. Ambos foram acusados de sonegação e fraude em emissão de nota fiscal.

O empresário confessou que já vendeu combustível sem nota fiscal para vários postos de diferentes redes, mas negou a prática de adulteração do produto, afirmando ainda ser descabida a denúncia de que constituiu empresa laranja para comprar diesel fora do Estado e comercializar no Espírito Santo.

A comissão deu um prazo de 10 dias úteis para o empresário informar, por meio de ofício, com quais usinas, postos de combustíveis e produtos trabalhou sem emissão de nota fiscal.

Para o relator da CPI, o deputado Marcelo Santos (PDT), os depoimentos de hoje foram de grande importância para alimentar as informações do processo. Segundo ele, a comissão vai ouvir cerca de 30 pessoas nas próximas reuniões.

Também participaram da CPI os deputados Enivaldo dos Anjos (PSD), presidente do colegiado, e Euclério Sampaio (sem partido).

Comissões: CPI da Sonegação
Saúde nasal: tratamentos e riscos em pauta
Comissão recebe especialista para discutir causas de congestionamento nasal e as consequências do uso inadequado de remédios
Apuração dos votos é feita em tempo real
Resultado das eleições pode ser acompanhado por aplicativos e plataforma do TSE na internet
Projeto visa recuperar direitos de servidores
Proposta assegura que o tempo de trabalho durante a crise sanitária da Covid seja contabilizado para a concessão de direitos como quinquênios e licenças-prêmio 
Homens estão entre as principais vítimas de suicídio
Morte autoprovocada é quase quatro vezes maior entre homens e a terceira principal causa de óbito na faixa de 15 a 29 anos, apontam dados oficiais
Saúde nasal: tratamentos e riscos em pauta
Comissão recebe especialista para discutir causas de congestionamento nasal e as consequências do uso inadequado de remédios
Apuração dos votos é feita em tempo real
Resultado das eleições pode ser acompanhado por aplicativos e plataforma do TSE na internet
Projeto visa recuperar direitos de servidores
Proposta assegura que o tempo de trabalho durante a crise sanitária da Covid seja contabilizado para a concessão de direitos como quinquênios e licenças-prêmio