Atendimento a paciente queimado em pauta

Projeto Fênix, que atua na reabilitação de pessoas que sofreram queimaduras, será apresentado na Comissão de Saúde

Por Gleyson Tete, com edição de Nicolle Expósito

Pessoas aparece de costas em sala de terapia; na pele aparecem marcas de queimadura
Equipe multidisciplinar realiza atendimento em projeto de extensão da Ufes / Foto: Site da Ufes

A semana de trabalhos da Assembleia Legislativa (Ales) conta seis reuniões das comissões permanentes da Casa. O tema saúde é o destaque das atividades legislativas, com dois encontros que vão abordar a recuperação de pessoas queimadas e a endometriose, doença que atinge muitas mulheres.

O colegiado de Saúde recebe na terça-feira (16), às 9 horas, no Plenário Rui Barbosa, a professora do Curso de Fisioterapia da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) e coordenadora do Projeto Fênix, Cíntia Santuzzi. O projeto de extensão da universidade funciona desde 2019 e trata da reabilitação de pessoas que sofreram qualquer tipo de queimadura. 

“Somos uma equipe multidisciplinar composta por profissionais dos cursos de Fisioterapia, Terapia Ocupacional e Fonoaudiologia. Recebemos muitos pacientes do Hospital Infantil de Vitória e do Dr. Jayme Santos Neves (centros de referência no atendimento de queimaduras). De maneira geral, as principais causas das queimaduras são escaldaduras (queimaduras por líquido quente) e acidentes domésticos”, explica.

Também participam da reunião ordinária a terapeuta ocupacional, professora e coordenadora do Curso de Terapia Ocupacional da Ufes, Mariana Mudori Sime; e a cirurgiã plástica e coordenadora de Cirurgia Plástica do Hospital Estadual Infantil Nossa Senhora da Glória (HEINSG), Rosalie Matuk Fuentes Torrelio.

Mais tarde, às 10 horas, no mesmo local, os parlamentares ouvem na reunião extraordinária a ginecologista obstetra da Endovídeo Mulher Karin Kneipp Costa Rossi, que vai falar sobre endometriose. A doença consiste na presença, fora do útero, de tecido semelhante ao endométrio, o que causa reações crônicas e inflamatórias, podendo estar associada a dor intensa e até a subfertilidade.

Cultura

Na segunda (15) a Comissão de Cultura recebe a professora e escritora Joana Herkenhoff, autora do livro infantil “Chapéu”. A obra é inspirada na tradição oral de Serra e apresenta um avô contando histórias para o seu neto e cachorro. O livro traz dois QR Codes para acesso às versões em Libras e áudio, e um encarte com atividades lúdicas. A reunião ordinária acontece no Plenário Judith Leão, às 9 horas.

Confira a agenda da semana*:

Segunda (15/08)
9 horas – Reunião Ordinária da Comissão de Cultura – Plenário Judith Leão
11 horas – Reunião Ordinária Híbrida da Comissão de Segurança – Plenário Dirceu Cardoso
13h30 – Reunião Ordinária Híbrida da Comissão de Finanças – Plenário Dirceu Cardoso

Terça (16/08)
9 horas – Reunião Ordinária da Comissão de Saúde – Plenário Rui Barbosa
10 horas – Reunião Extraordinária da Comissão de Saúde – Plenário Rui Barbosa
13h30 – Reunião Ordinária Híbrida da Comissão de Justiça – Plenário Dirceu Cardoso


*Agenda sujeita a alterações
 

Projeto visa recuperar direitos de servidores
Proposta assegura que o tempo de trabalho durante a crise sanitária da Covid seja contabilizado para a concessão de direitos como quinquênios e licenças-prêmio 
Homens estão entre as principais vítimas de suicídio
Morte autoprovocada é quase quatro vezes maior entre homens e a terceira principal causa de óbito na faixa de 15 a 29 anos, apontam dados oficiais
"Cola" é recurso para ajudar eleitor a votar
Anotar os números dos candidatos diminui consideravelmente chance de erros na hora da votação e contribui para agilizar processo
PEC da Polícia Científica começa a tramitar
Iniciativa desvincula os peritos da PCES, reforçando autonomia e independência da categoria. Cinco emendas já foram apresentadas à proposta
Projeto visa recuperar direitos de servidores
Proposta assegura que o tempo de trabalho durante a crise sanitária da Covid seja contabilizado para a concessão de direitos como quinquênios e licenças-prêmio 
Homens estão entre as principais vítimas de suicídio
Morte autoprovocada é quase quatro vezes maior entre homens e a terceira principal causa de óbito na faixa de 15 a 29 anos, apontam dados oficiais
"Cola" é recurso para ajudar eleitor a votar
Anotar os números dos candidatos diminui consideravelmente chance de erros na hora da votação e contribui para agilizar processo