Durão sugere mudanças em lei sobre cardápios

Pela proposta, lanchonetes e casas noturnas também ficariam obrigadas a exibir os preços na parte externa dos estabelecimentos

Por Aldo Aldesco, com edição de Angèle Murad | Atualizado há 7 dias

Cardápios em cima de mesas, em área externa de estabelecimento
Projeto também obriga exibição de valores relativos a couvert, manobristas e outros serviços / Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

O Projeto de Lei (PL) 630/2021, de Luiz Durão (PDT), amplia e atualiza a Lei 8.798/2008, que obriga bares e restaurantes a divulgarem os preços praticados na parte externa dos estabelecimentos, em lugar visível e de forma clara à clientela. 

Além de bares e restaurantes, a proposta de Durão inclui lanchonetes, casas noturnas e similares. Outra novidade é que, além dos preços dos pratos e bebidas, será preciso divulgar o valor do couvert, de manobristas e de outros serviços, o que poderá ser feito por código de barras. Além disso, deixa claro que o anúncio da tabela de preço pode ser feito na forma de cardápio ou assemelhados. 

O PL 630/2021 mantém o que dispõe a lei em vigor, que impõe advertência e, na reincidência, multa de R$ 182,30, correspondente a 50 Valores de Referência do Tesouro Estadual (VRTEs), a ser aplicada pelo órgão de defesa do consumidor – o Instituto Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon). 

Durão argumenta que a proposta evita constrangimento ao consumidor:  “A disponibilização na entrada dos estabelecimentos dos valores dos produtos e de outras cobranças porventura realizadas contribuirá também para que sejam evitados constrangimentos para os consumidores, tendo em vista que ingressarão nos locais cientes de todos os valores cobrados e produtos comercializados”, explica o deputado. 

A matéria foi lida na sessão do último dia 25 de outubro e tramita em regime de urgência. Por isso, terá parecer oral, durante a plenária, das comissões de Constituição e Justiça; Defesa do Consumidor e do Contribuinte; e Finanças.

Deputados: Luiz Durão
Aprovado fim de taxa de cartório para conselho escolar
Se virar lei, iniciativa aprovada pela Assembleia deve apoiar órgãos que representam comunidade escolar
PL que doa imóvel a VV tramita em urgência
No local já existem duas escolas, uma quadra e um Centro de Referência de Assistência Social
Finanças aprova calamidade para seis municípios
Requerimentos aprovados atendem as prefeituras de Marataízes, Vila Velha, São Mateus, Mucurici, Santa Leopoldina e Cariacica
Novo Carmélia promete reforçar área cultural
Revitalização do teatro é um dos destaques do projeto de reforma, apresentado à Comissão de Cultura da Assembleia
Aprovado fim de taxa de cartório para conselho escolar
Se virar lei, iniciativa aprovada pela Assembleia deve apoiar órgãos que representam comunidade escolar
PL que doa imóvel a VV tramita em urgência
No local já existem duas escolas, uma quadra e um Centro de Referência de Assistência Social
Finanças aprova calamidade para seis municípios
Requerimentos aprovados atendem as prefeituras de Marataízes, Vila Velha, São Mateus, Mucurici, Santa Leopoldina e Cariacica